Aumentar Fonte | Contraste Engenheiro Coelho, sábado, 26 de setembro de 2020 Acessibilidade Transparência

Março Lilás: mulher de atitude se previne contra o câncer de colo de útero

Publicado em: 09 de março de 2020

O março Lilás nos traz a importância da prevenção do câncer de colo de útero.

A forma mais comum do desenvolvimento de um câncer do colo de útero é a partir de alterações pré-cancerosas. Existem duas maneiras de impedir o desenvolvimento da doença: a primeira é detectar e tratar as lesões pré-cancerosas antes que se tornem malignas, e a segunda é para prevenir as condições pré-cancerosas.

Detecção de Lesões Pré-Cancerosas

Uma maneira comprovada para prevenir o câncer do colo do útero é a realização de exames, como Papanicolaou e HPV, para detectar a presença de lesões pré-cancerosas antes que elas se transformem em tumores malignos. Uma lesão pré-cancerosa encontrada pode ser tratada, evitando que se torne um câncer.

Recomendações para a detecção precoce do câncer de colo do útero:-

Todas as mulheres devem começar a fazer os exames de rastreamento aos 21 anos. Mulheres com idade entre 21 e 29 anos deve fazer um exame Papanicolaou a cada 3 anos. O exame de HPV não deve ser utilizado para rastreamento neste grupo de idade, embora possa ser usado como parte do acompanhamento para um resultado anormal do Papanicolaou.
- A partir dos 30 anos, o ideal é combinar o exame Papanicolaou com o de HPV, a cada 5 anos, até os 65 anos.
- Outra opção razoável para as mulheres entre 30 e 65 anos é fazer o exame Papanicolaou a cada 3 anos.
- As mulheres com um risco aumentado de desenvolver câncer de colo do útero, devido ao sistema imunológico baixo, por outras causas, como infecção por HIV, transplante de órgão, ou utilização a longo prazo de esteroides, devem fazer o rastreamento com mais frequência, geralmente o médico estipula essa frequência.
- Mulheres com mais de 65 anos que fizeram exames regulares nos últimos 10 anos podem deixar de fazer o rastreamento para o câncer do colo do útero, desde que com resultados normais.
- Mulheres que fizeram histerectomia total devem parar o rastreamento, a menos que a histerectomia foi feita como parte do tratamento de uma lesão pré-cancerígena do colo de útero. Mulheres que fizeram histerectomia sem remoção do colo de útero devem continuar a fazer o rastreamento, de acordo com as orientações acima.
- Mulheres vacinadas contra o HPV devem seguir estas orientações.Mulheres com resultados anormais podem precisar repetir os exames de rastreamento dentro de 6 e 12 meses.


Tornando o Exame Papanicolaou mais Preciso

Para um melhor resultado do exame Papanicolaou, alguns cuidados devem ser levados em consideração:

- Não agendar um exame de rastreamento durante o período menstrual. A melhor época é de pelo menos 5 dias após o término da menstruação.
- Não usar duchas nas 48 horas que antecedem o exame.
- Não ter relações sexuais nas 48 horas que antecedem o exame.
- Não usar absorvente interno, diafragma, geleias, cremes vaginais, hidratantes, lubrificantes, ou medicamentos vaginais nas 48 horas que antecedem o exame.


Publicado por: Câmara Municipal de Engenheiro Coelho

Cadastre-se e receba notícias em seu email
Categoria: Informativo

Câmara Municipal de Engenheiro Coelho/SP

RUA CATARINA MARIA FRAVETTO CAETANO 369 - CEP 13445-400 Bairro: JARDIM MINAS GERAIS Engenheiro Coelho - SP
(19) 3857-9505
Horário de funcionamento: Segunda a Sexta-Feira das 08:00 às 12:00 e das 13:00 às 16:00 Horas.

Área Restrita do Site
WebMail
© Copyright 2020 Sino Informática. Todos os direitos reservados.